01 fevereiro 2012

Images

Eu, por Clarice Lispector


Imagem retirada do blog "Depois dos Quinze"
Tenho cabeça, coração e me respeito. Acredito em sonhos, não em utopia. Mas quando sonho, sonho alto. Estou aqui é pra viver, cair, aprender, levantar e seguir em frente. Sou isso hoje, amanhã já me reinventei. Sou complexa, sou mistura. Me perco, me procuro e me acho. E quando necessário, enlouqueço e deixo rolar. Não me doo pela metade, não sou tua meio amiga nem teu quase amor. Ou sou tudo ou sou nada. Não suporto meio termos.
Clarice Lispector

5 Comments:

Amadeu Paes disse...

Eu estou começando a ler Linspector agora. Realmente os textos dela tem uma profundidade pra lá de humana.

Anônimo disse...

Clarice é Clarice...
acho os poemas dela perfeitos, parece que ela me conhece melhor que eu mesma. adoro seu blog...
mto lindo

Maria José disse...

"Ou sou tudo ou sou nada. Não suporto meio termos." essa frase me define, acho que a todas nós, quando Clarice fala por nós, so nos resta abaixar a cabeça e aceitar...

Mamah disse...

É verdade Amadeu, é incrível como
parece que os textos dela falam
conosco, nas mais diversas
circunstancias. Vale a pena conhecer os poemas dela.

Kamyla disse...

Lindo esse texto... tbm acho que ele meio
que me define. Os textos da Clarice tem esse
poder de dizer muito com poucas palavras...
Muito bom